Pular para o conteúdo principal

Eu não sei rezar…


Não sei para vocês foi ou é assim, mas para mim foi uma grande dificuldade passar a ter em minha vida o hábito da oração. Confesso que somente há pouco tempo que verdadeiramente me disciplinei (melhor dizendo, acho que foi Pai João que me disciplinou) para rezar todos os dias.

O hábito da oração tem benefícios incalculáveis! Não é quando você coloca o uniforme e vai para o Templo e muito menos quando está desesperado por algum problema que está atravessando.

Falo da oração como legítima forma de manter elevado seu padrão vibratório e fazer com que sua sintonia espiritual seja mais eficiente no contato com seus Mentores. A oração realiza nosso espírito e permite que a Individualidade comece a prevalecer sobre a personalidade transitória de nossa alma.

Sempre soube que seria importante rezar... Mas daí a por em prática, foram muitos anos.

Quando Iniciamos, nos programamos para manter nossos três horários do compromisso assumido, porém, com o passar do tempo, envolvidos pelo trabalho e pelos afazeres do dia a dia, acabamos esquecendo, e aos poucos cortamos um horário, depois dois... Ficamos um apenas, tentando se manter fiel... Mas logo a maioria “esquece também”.

Falar em rezar, às vezes é até mal interpretado: “Eu não sou santo” – “Ainda vou evoluir para poder começar a rezar” e outras justificativas infundadas vão aparecendo. A verdade é que, apesar da consciência real da necessidade, temos muito apego aos nossos pensamentos mundanos e a oração acaba atrapalhando nossos desejos físicos.

Acabamos nos apegando ao Templo, como forma de por em dia a oração, ou a um Terceiro Sétimo, realizado no momento de angústia, como se fosse possível “compensar” nosso descaso com aquilo que aprendemos, e por vezes ensinamos.

Na dificuldade aprendi a rezar... Fui tirando a terra do coração e verificando que o dia ficava “melhor” quando havia rezado. E isso é natural! Durante a oração elevamos nosso padrão vibratório e passamos a atrair mais coisas e pessoas boas ao nosso redor, além de isolarmos quase por completo as influências de “irmãozinhos” interessados em nossa energia mediúnica.

É compreensível que muitos acordem já envolvidos pelos afazeres e não encontrem o clima desejado para iniciar suas preces. Quantas vezes resolvemos ficar na cama “mais uns minutinhos só” e levantamos correndo, apressados e sem qualquer condição de poder rezar? Às vezes aquele “soninho de cinco minutos” é pesado, e acaba com nosso bom humor, fazendo com que já nos levantemos atrasados e com uma preguiça ainda maior já ao iniciar o dia.

Quanto tempo você gasta para fazer sua emissão? Já marcou? Marque e vai perceber que não precisa de mais do que cinco ou dez minutos para começar direito o seu dia! Vale a pena acordar uns minutos antes, parar diante do seu Aledá e rezar um pouco.

Ao fazer sua emissão procure recordar cada passagem que ali é relatada! Como foi sua chegada à Doutrina, sua Iniciação, Elevação, Centúria. Visualize cada passo dentro daquilo que emite. Entre em contato com seu espírito! Vivencie cada palavra!

Depois agradeça por tudo que já recebeu. Então pode pedir a segurança, a proteção para seu lar, sua família, seus estudos e trabalho!

Registre a presença de seus Mentores! A cada dia sinta a sintonia de quem está lhe assistindo.

Minha vida mudou muito ao encontrar-me com a oração, por isso venho compartilhar com vocês esta experiência e testemunhar o quanto vale a pena. Vai iniciar seu dia com o padrão elevado, e será mais fácil mantê-lo assim, do que ter que ir buscar sintonia quando os problemas chegam.

A disciplina é fundamental! Ao iniciar seu dia assim, e ainda marcar no celular para despertar uns 3 minutos antes dos horários das preces do compromisso (para que tenha tempo de dar “uma escapadinha” do tumulto diário), modifica toda a sua tônica vibratória, e vai passar a atrair mais coisas boas, terá a assistência de seus Mentores com mais facilidade, afinal, só pode ser ajudado quem está em condições de receber o auxílio.

Salve Deus! Ser Jaguar 24 horas é uma meta a ser atingida, e ela é possível! Basta começar pela oração, o restante virá como natural conseqüência.

Kazagrande